terça-feira, 12 de abril de 2011

Há tão pouco tempo

Há tão pouco tempo...


Há tão pouco tempo
Eu era jovem...
Com o tempo eu brincava
Com a vida eu fazia
Brincadeiras


Falava com as estrelas
Em nada eu pensava
Nem via a juventude
Escorrendo com o rio.


Vivia juntando estrelas
Com elas mil castelos
De sonhos construí
Eram belos!
Mas as nuvens
Encobriam as estrelas
E os castelos eu não via.


Eu era tão jovem
Minhas esperanças
Com carinho eu cuidava
Mas no tempo
E no vento
Elas voaram...


No espelho minha juventude
Eu contemplava
No passado e no futuro
Eu não pensava.


Hoje com saudades
Recordo o passado
Vivo o presente
E do futuro só DEUS sabe.


Terezinha C Werson 12/4/2011



Quem sou eu

Minha foto
Sao Paulo, Capital, Brazil
Gosto de escrever poesias prefiro escrever do que falar gosto de ler,nao tenho autor preferido, o importante é que seja um bom livro. escrever é uma maneira de mostrar o que nos vai na alma.

Arquivo do blog

Seguidores