quinta-feira, 11 de março de 2010

CANTO DE LAMENTOS


Canto de lamentos

Porque faço da vida
Um canto de lamentos
Se tenho o pão
Na minha mesa.

Tenho cama
E cobertor
Tenho um teto
Para do sol e da chuva me abrigar.

Tenho água
Para a sede saciar
Uma família abençoada
Tenho riqueza de graças.
O meu país tem abundância
Que desperdiçam toneladas...
Perdoa-me senhor pelo meu egoísmo.

Vi criancinhas magrinhas
Sem pão sem água e sem amor
Rastejando na areia
Sem forças pra caminhar
Sem forças para chorar
Sem forças pra chamar Deus
Vem... Senhor vem me ajudar...

Terezinha C Werson

quarta-feira, 10 de março de 2010


Baú do tempo

Nele só boas coisas guardei
La dentro está a minha infância
Minha juventude
Meus sonhos e esperanças.

Os conselhos sábios
Dos meus pais
As palavras do meu Deus
Minhas boas lembranças.

Lugares onde morei
Por onde passei
Paciência, fé, amor pelos meus irmãos
Bons atos que pratiquei
Só coisas boas
Tem dentro deste baú.

Terezinha C Werson

NOITE CHEGA DE SILÊNCIO


Noite, chega de silêncio.

Noite chega de silêncio
Chega de solidão
Chega desta escuridão.

Quero ouvir vozes
Quero ver estrelas neste céu
Ver o azul cintilando.

Quero ver a lua cheia
Clareando a escuridão
Alegrando este silencio.

Noite mostra a beleza
Derramando claridade
Nesta triste solidão.

Terezinha C Werson
6/3/2010

EU VI O SOL


Eu vi o sol

Atrás daquela montanha
Vi o sol surgido
Vi também se escondendo.

Vi a lua surgindo
Depois desaparecendo.

Vi o dia clareando
Depois se apagando.

Vi a noite muito escura
Depois toda iluminada.

Vi uma grande tempestade
Depois gotas bem fraquinhas...

Vi o mar todo agitado
Depois ondas sossegadas.

Chamei Deus ele me ouviu
E de bênçãos me cobriu.

Terezinha C Werson

TARDE ILUMINADA


Tarde iluminada

Manha chuvosa
Nebulosa tristonha
Previsão só chuva.

Mais quem disse
Que alguém manda
Em Deus? Ele faz da
Manha chuvosa
Uma tarde iluminada.

Linda! Tarde sol entrando...
Iluminando à tarde
Invadindo a sala
O quarto e o meu quintal.

Tarde linda brilhando
Entrou ate na minha alma
Que estava nebulosa
Triste quase apagada.

Agora esta alegre
Abri a janela da alma
E ele foi logo entrando.

Tenho uma tarde iluminada
E na alma claridade...

Terezinha C Werson
6/3/2010

Quem sou eu

Minha foto
Sao Paulo, Capital, Brazil
Gosto de escrever poesias prefiro escrever do que falar gosto de ler,nao tenho autor preferido, o importante é que seja um bom livro. escrever é uma maneira de mostrar o que nos vai na alma.

Arquivo do blog

Seguidores