sábado, 25 de outubro de 2008

Rio correndo lento...

Para escrever poesias,
Preciso de silencio
Da natureza
De Deus,
E de muita inspiração.

Um rio correndo lento...
Uma noite enluarada
Um dia ensolarado
Canto de Passarinho.

Rima não tem
Porque poesia
Não precisa de rima
Porque sai da nossa alma.

E a alma não tem rima
Ela sai das profundezas
Como água sai da rocha

Autora: Terezinha C Werson

Poesia escrita dia 15/10/2008
Na oficina de leituras no
Centro cultural de São Paulo


Um comentário:

YINONH disse...

Hey Tienes blog muy interesante y he disfrutado de leer han him.I pregunta a usted, Im de Israel y lo hice a mi blog de lo que pide un Google Adsense, que este dice que / porque tengo poca publicidad en el sitio y en cualquier momento que alguien pulsa sobre ellos gana algo de dinero. El problema es que, a pesar de que la gente entre en mi blog y leer el mismo que completamente no presiona sobre los anuncios y no ganan anything.i estará encantado de escuchar tu mente en el asunto?

Mi blog:

http://talkback-israel.blogspot.com/

Yinon

Quem sou eu

Minha foto
Sao Paulo, Capital, Brazil
Gosto de escrever poesias prefiro escrever do que falar gosto de ler,nao tenho autor preferido, o importante é que seja um bom livro. escrever é uma maneira de mostrar o que nos vai na alma.

Arquivo do blog

Seguidores