quinta-feira, 1 de outubro de 2009

A alma


A alma e como a flor
Até o vento a machuca
O vento é como a alma
Passa e ninguém vê.

Na alma a nostalgia
Que só a alma conhece
A alma esconde a dor
Que os outros desconhecem.

No peito a solidão
E na alma amargura
só Deus é quem conhece


De:Terezinha C Werson -- São Paulo

Nenhum comentário:

Quem sou eu

Minha foto
Sao Paulo, Capital, Brazil
Gosto de escrever poesias prefiro escrever do que falar gosto de ler,nao tenho autor preferido, o importante é que seja um bom livro. escrever é uma maneira de mostrar o que nos vai na alma.

Arquivo do blog

Seguidores