terça-feira, 23 de outubro de 2012


Meus lírios brancos.

No canto da minha sala
Coloquei alguns vasos
Com lírios brancos.

Todos os dias
Observo o crescimento.
Mas comecei a ver que as folhas
Começaram a amarelar.

Percebi que vários
Brotos começaram a nascer
Que estavam sufocados
Naqueles vasos.

Peguei novos vasos
E comecei a dividir,
Quando fui retirar dos vasos
Não saiam, as raízes estavam entrelaçadas.

Com dificuldade retirei e fui separado os
Brotos e replantando
Notei que sentiram a separação
As folhas ficaram sem brilho.

Com cuidado fui regando
E limpando as folhas.
Pensei: Plantas precisam de espaço
Para que as raízes sigam um caminho.
Também notei que a separação
Causa dor até nas plantas.

Meditei muito!
E aprendi que tudo na vida
Precisa de espaço para crescer
E liberdade para caminhar
E vi que nossas raízes
Entrelaçam-se.
Mesmo que seja para o nosso
Bem sofremos com a separação.

Mas tudo tem um tempo
Para que possamos nos acostumar
Meus lírios já começaram a florescer.
E assim é a vida...
Terezinha C Werson
23/10/2012


Um comentário:

Sublime Mulher disse...

Lindo poema e lindo blog!!
Retribuindo sua preciosa visita... volte sempre, bem vinda!!

Quem sou eu

Minha foto
Sao Paulo, Capital, Brazil
Gosto de escrever poesias prefiro escrever do que falar gosto de ler,nao tenho autor preferido, o importante é que seja um bom livro. escrever é uma maneira de mostrar o que nos vai na alma.

Arquivo do blog

Seguidores