quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Cortina azul

Cortina azul
Quase branca,
Bem transparente.
Um leve vento
Bate bem devagar...
E a cortina
Num bailado silencioso
Vai de um lado para outro.

E através da cortina
Olho o meu jardim florido
Um leve perfume, invade a casa
E a cortina azul transparente
Continua o seu bailado
Ao leve toque do vento.

Coloco uma musica bem... Suave
Para maior beleza,
E continuo a contemplar
A beleza do jardim.
Para o céu elevo os olhos,
E para lá eu me transporto.

E através da cortina
Fico a contemplar,
A aquele jardim florido
E o imenso céu azul,
Beleza maior não existe.
O vento bate mais forte
E a cortina se abre
Para a imensidão.

Autora: Terezinha C Werson--2007

2 comentários:

Mayalu Moreira Felix disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mayalu Moreira Felix disse...

Olá, Terezinha!

Este Blog foi indicado ao selo "Olha que Blog Maneiro" pelo Blog da Maya!

Para receber o selo, acesse: http://mayafelix.blogspot.com/, leia a postagem sobre o prêmio e siga as instruções! Um abraço e parabéns!

:)

Maya

Quem sou eu

Minha foto
Sao Paulo, Capital, Brazil
Gosto de escrever poesias prefiro escrever do que falar gosto de ler,nao tenho autor preferido, o importante é que seja um bom livro. escrever é uma maneira de mostrar o que nos vai na alma.

Arquivo do blog

Seguidores