domingo, 18 de janeiro de 2009

O navio,

Que apito triste e este que acabei de escutar?
Mais parece um lamento
Daquele que vai partir.

E um gigantesco navio
Que o porto vai deixar,
Da minha janela vejo
O navio se movendo
Devagar...

E este apito
Tristonho?
Sinto que vou chorar...

Vai partindo
De mansinho...
E lá vai ele sumindo...
Na solidão deste mar.

Pequenino vai ficando,
E foi desaparecendo
Entre o céu e o mar.

Autora: Terezinha C Werson/2/3/2008

Nenhum comentário:

Quem sou eu

Minha foto
Sao Paulo, Capital, Brazil
Gosto de escrever poesias prefiro escrever do que falar gosto de ler,nao tenho autor preferido, o importante é que seja um bom livro. escrever é uma maneira de mostrar o que nos vai na alma.

Arquivo do blog

Seguidores