segunda-feira, 1 de novembro de 2010

POESIA DA MINHA QUERIDA AMIGA KARLA JULIA.LINDA!



Ipanema não é minha




Da primeira vez que o vi
chorei mais do que a chuva das monções
deu um nó na garganta... e até a noite virou dia .


Emoção mais úmida que o próprio calçadão
onde sempre ando, pensando em fazer um novo poema,
e em como é difícil viver sem você em plena Ipanema.


Ainda choro, agora de saudades
Choro o choro dos loucos e dos sem tino
Choro porque dei de escrever esse desatino.


Choro porque é noite e a lua está tão linda
Choro porque amo viver e sei que um dia vou desaparecer.


Choro porque nunca mais poderei ver
aquele par de olhos azuis lindos de morrer.


Choro porque ela está crescendo
e logo logo não será mais minha menininha.


Choro porque meu ouvido anda dodói
e nunca mais vou ouvir a sua voz.


Karla Julia

Um comentário:

Karla Julia disse...

Para mim é uma honra participar de seu blog, minha amiga.
Você, que é sábia, cujos versos contam histórias das pequenas e eternas verdades de todos nós. Bálsamos para nossas feridas.
Obrigada Poeta.
beijos amiga querida
Karla Julia

Quem sou eu

Minha foto
Sao Paulo, Capital, Brazil
Gosto de escrever poesias prefiro escrever do que falar gosto de ler,nao tenho autor preferido, o importante é que seja um bom livro. escrever é uma maneira de mostrar o que nos vai na alma.

Arquivo do blog

Seguidores