terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Até quando... Deus...

Até quando... Deus...




Olharei para o infinito verei luz,
As estrelas, e o azul...




Até quando andarei altaneiramente;
Sem me curvar pelo cansaço da velhice...
Até quando, escreverei falarei com mãos e voz firme.




Mas sei, que tu és misericordioso,
Para mim ti curvaras.
E de bênçãos me cobrirás,
Na tua luz me guiaras...




Terezinha C Werson
26/9/2010

Nenhum comentário:

Quem sou eu

Minha foto
Sao Paulo, Capital, Brazil
Gosto de escrever poesias prefiro escrever do que falar gosto de ler,nao tenho autor preferido, o importante é que seja um bom livro. escrever é uma maneira de mostrar o que nos vai na alma.

Arquivo do blog

Seguidores