terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

SE EU ME COHECESSE


Se eu me conhecesse


Se eu me conhecesse
Não cometeria tantos
Erros desnecessários.

Não falaria sem pensar
Não ofenderia para depois me desculpar
Não guardaria tantos rancores.
Que machuca o corpo e a alma.

Perdoaria mais, falaria menos
Se eu me conhecesse
Teria mais paciência
Teria mais amor, e menos ira.

Seria mais piedosa
Mais calma
Amaria mais
Ajudaria mais.

Mais eu não me conheço
Às vezes sou estranha
De mim mesma
Tarde de mais digo:
Porque fiz isto?
Porque fui rude?
Porque não apoiei o mendigo
Porque senti nojo?
Porque faço o que não quero
E o que quero isso não faço.
Que pena eu nem me conheço.


(Terezinha C Werson)

Um comentário:

Fha Amil Aruom disse...

Linda poesia simplesmente LINDA!
Somente o tempo nos mostra um pouquinho a cada dia do que somos capazes, como somos ou pensamos ser, vamos conhecendo-nos nesta aventura chamada vida onde a única certeza é que não sairemos dela vivos!

Sucesso!
Abraços

Quem sou eu

Minha foto
Sao Paulo, Capital, Brazil
Gosto de escrever poesias prefiro escrever do que falar gosto de ler,nao tenho autor preferido, o importante é que seja um bom livro. escrever é uma maneira de mostrar o que nos vai na alma.

Arquivo do blog

Seguidores